Comunicação interna x assessoria: em qual apostar em tempos de covid-19?

5 de maio de 2021
Adriano Ortolani
Crédito: Canva

Hoje já está bem clara a importância da comunicação para uma empresa – seja ela de qual segmento for. Afinal, qual o sentido de uma organização promover uma iniciativa – voltada para o público interno ou externo-  e não comunicar essa ação para seus colaboradores e/ou demais stakeholders? Sem investimentos e sem uma comunicação eficiente, é muito difícil que uma companhia tenha sobrevida.

Embora a relevância da comunicação corporativa seja reconhecida, ainda existem dúvidas sobre os diferentes públicos e escopos de cada tipo de mensagem e meio de comunicação. Uma dúvida frequente são as diferenças entre a Comunicação Interna e a Assessoria de Imprensa, que até hoje ainda confunde muita gente. 

Apesar de a base das duas áreas ser a mesma – informação – a Comunicação Interna é voltada para dentro da empresa e tem como objetivo estabelecer um canal de diálogo com os colaboradores, deixando-os a par das tendências e ações mais recentes da empresa em que atuam. Já a Assessoria de Imprensa dá visibilidade a fatos sobre a empresa, mas para o público externo- no caso, jornalistas. O principal objetivo das divulgações para a mídia é disseminar os valores da corporação em veículos de grande circulação, como jornais, portais, rádios, TVs e podcasts.

Listamos algumas dicas para você nunca mais confundir esses 2 tipos de comunicação:

Comunicação Interna

Administrativo, Financeiro, Recursos Humanos e TI são alguns dos setores-chave para o andamento das grandes corporações. Mas, para que o trabalho entre todos os departamentos da empresa ocorra de maneira coordenada e organizada, é essencial ter uma comunicação clara e objetiva, para que todos os colaboradores saibam do que acontece, além de estarem a par das novidades sobre a corporação.

A Comunicação Interna pode ser verbal – que é mais informal e descontraída- ou escrita, o que exige um tom mais convencional. Também pode ser vertical, seguindo os níveis hierárquicos da empresa. Nesse caso, gestores, diretores e presidentes comunicam algo ao restante da equipe, com o objetivo de estabelecer estratégias e objetivos que são então repassados aos demais colaboradores.

Quando se trata de uma informação estratégica e de grande relevância, geralmente a melhor forma de comunicar a notícia – uma vez que possa ser de conhecimento de todos os funcionários- é através de um comunicado- que pode ser feito via texto, ou até mesmo vídeo, com uma mensagem gravada do CEO, por exemplo. Isso evita ruídos e faz com que todos fiquem sabendo ao mesmo tempo, sem criar informações desencontradas. Já as novidades sobre o grupo e tópicos de interesse geral podem ser comunicados por meio de newsletter (que pode ser semanal, quinzenal ou mensal) ou outros canais internos – portal de notícias interno, app exclusivo para colaboradores, canal de TV e rádio para público interno, entre outros.

A Comunicação Interna é muito importante para as organizações, já que possibilita entrosamento e maior harmonia entre todos os colaboradores, de variados setores.

Assessoria de imprensa

Quando uma empresa ganha destaque em veículos de comunicação- seja em telejornais, jornal impresso, portais, rádios ou Lives e podcasts, essa aparição transmite os valores e ações da empresa relevantes para a sociedade, criando ou fortalecendo a reputação positiva da corporação. Muitas vezes conquistar esses espaços só é possível por meio do trabalho e do empenho da agência de comunicação contratada para executar o trabalho de Assessoria de Imprensa.

O time de assessores da agência faz a ponte entre a corporação e os jornalistas, abordando-os da maneira adequada e dando viés jornalístico às ações da empresa, com o objetivo de ressaltar as qualidades e valores  da corporação nos veículos de comunicação, aumentando a credibilidade da marca ou grupo diante do público.

Diferentemente da publicidade – que é paga- a assessoria de imprensa trabalha com mídia espontânea, e a empresa pode ser divulgada sem troca financeira com o meio de comunicação. Isso faz com que o que é veiculado na mídia ganhe ainda mais confiança por parte do leitor, telespectador ou ouvinte, pois ele sabe que, se aquele fato virou notícia, é relevante, pois a empresa não está pagando por aquele espaço.

Em qual das duas devo investir em época de crise?

Agora que esclarecemos as diferenças entre os dois tipos de comunicação, você pode estar se perguntando: qual delas é “melhor”? Ou, mais do que isso, em qual dessas duas frentes devo “apostar” em tempos de crise econômica e sanitária devido ao covid-19, como a atual?

A resposta para as duas perguntas é: em ambas!  A comunicação é uma ferramenta estratégica para as empresas, e o ideal é fazer bom uso tanto da Comunicação Interna- com foco nos colaboradores- quanto da assessoria de imprensa, que agrega valor e crédito perante a sociedade. 

Em tempos de crise, ao contrário do que alguns podem acreditar, é ainda mais fundamental não abrir mão de nenhuma das duas. Isso porque,  em um contexto de pandemia e de crise econômica, a reputação de uma marca ou instituição torna-se ainda mais relevante, como também vulnerável. E esse é justamente o papel da comunicação externa, feita por meio da assessoria de imprensa: proteger a reputação das organizações. Já a comunicação interna também não pode ser deixada de lado,  pois os colaboradores devem estar bem informados, além de sentirem-se acolhidos pela empresa em meio ao contexto externo desfavorável.

Gostou das dicas? A Ortolani Comunicação oferece ambos os serviços citados –  Assessoria de Imprensa (PR e Relacionamento com a Imprensa) e Comunicação Interna, além de Media Training, Ações com Influenciadores e outros. Por isso, não perca tempo, invista na comunicação da sua empresa! 

Entre em contato com a gente para um bate-papo sem compromisso.

No comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *